Pesquisar este blog

Seguidores

quinta-feira, 1 de janeiro de 2009

Deus Não é Injusto

Porque Deus não é injusto para se esquecer da vossa obra e do trabalho da caridade que, para com o seu nome, mostrastes, enquanto servistes aos santos e ainda servis (Hebreus 6.10).
Há pessoas que são injustas, pois recebem um benefício e não se lembram de quem dedicou seu tempo, sua fé e seu amor para ajudá-las. Mas isso não ocorre com Deus. Tudo o que fizermos para Ele ou pelo próximo em Nome dEle fica como memorial eterno diante de Seus olhos, e, um dia, Ele irá recompensar-nos até mesmo pelo ato de bondade mais simples que tenhamos cometido (Mateus 10.42). Os que trabalham no Evangelho, direta ou indiretamente, precisam sempre se lembrar de que o Senhor nunca Se esquece de qualquer atitude nossa, até mesmo de um simples gesto de cortesia. Todas as coisas estão claras e patentes diante dEle.
Não importa a obra que nos foi colocada a realizar. Vamos fazê-la de coração, pois o Senhor anota todo o trabalho de amor que temos empreendido para que os perdidos sejam iluminados e os santos tenham suas necessidades supridas. Por uma simples entrega de folheto, um testemunho dado, uma oração ou uma visita feita a alguém para iluminar aquele coração, sem dúvida, receberemos a recompensa dos Céus.
Mas atenção: tudo deve ser feito para a glória do Nome de Jesus, pois, assim, temos a garantia de sucesso. Na passagem de hoje, vemos isso muito claramente. Aqueles irmãos citados em Hebreus mostraram que sua obra e seu trabalho eram feitos para o Senhor, e, por isso, havia esperança de bênçãos da parte divina.
Observe que eles serviam aos santos. Hoje, como naquela época, esses também precisam ser servidos. Os chamados pelo Senhor, muitas vezes, servem tanto que se esquecem de suas necessidades. Quão bom é quando alguém se lembra de nós e nos serve com aquilo que o Ele coloca em seu coração.
Se o Pai tem-lhe dado a incumbência de interceder pelos que estão na linha de frente na obra divina, continue a servir-Lhe. As pessoas que foram estabelecidas nesse ministério são iguais a todas as outras. Muitas se deixam levar por tentações e perdem o foco do Senhor. Mas, se você sentir no coração de ajudar em oração esses guerreiros da Verdade, não deixe de fazê-lo. Há casos em que a luta poderá ser tão dura, que o intercessor sofrerá tanto quanto o que a está enfrentando. No entanto, nada nos aflige, pois sabemos que o Altíssimo pagará pelo trabalho e amor demonstrado aos Seus.
Com amor, no Senhor,
R. R. Soares

Nenhum comentário: